Orçamento prevê R$ 80 milhões para Linha Verde ano que vem Segundo o projeto da Lei

Orçamentária Anual de 2020, o recurso seria obtido por meio de um financiamento; a gestão Felicio fez em setembro um pedido para que o governo João Doria invista R$ 30 milhões na Linha Verde

O projeto da LOA (Lei Orçamentária Anual) de 2020, enviado no mês passado pelo governo Felicio Ramuth (PSDB) à Câmara de São José dos Campos, prevê a obtenção de R$ 80 milhões por meio de uma operação de crédito para tirar do papel a Linha Verde.

Desse total, R$ 50,9 milhões estão previstos no orçamento da Secretaria de Gestão Habitacional e Obras e outros R$ 29,1 milhões na pasta de Mobilidade Urbana.

Questionada pela reportagem, a gestão tucana informou que ainda não definiu de qual banco solicitará o financiamento. “A Prefeitura de São José dos Campos tem linhas de crédito garantidas com as principais instituições financeiras, em razão da nota de rating (classificação de risco de crédito) do município. Um exemplo é o selo de ‘bom pagador’ que a prefeitura recebeu da Caixa [Econômica Federal] neste segundo semestre. A administração saltou da nota ‘D’, na gestão anterior, para a nota ‘A-’ após a força-tarefa de reorganização financeira iniciada em 2017. São José tem condições de, no momento necessário, obter verbas para a Linha Verde”, alegou a administração do PSDB.

O valor necessário de financiamento pode ser menor, já que a prefeitura solicitou que o governo estadual invista R$ 30 milhões no projeto. A solicitação ao governo João Doria (PSDB) foi feita no mês passado e, segundo a gestão Felicio, as tratativas estão avançadas.

“A Prefeitura de São José tem o compromisso do governo estadual de receber esse aporte, inclusive porque a Linha Verde pode se transformar em um projeto intercidades, visto que se estende de Jacareí a Caçapava”, argumentou a prefeitura, em nota.

PROJETO. Mais ambicioso plano de desenvolvimento urbano da gestão tucana, a Linha Verde prevê um corredor interligando as regiões sul e leste de São José por meio de transporte rápido – provavelmente o VLP (Veículo Leve sobre Pneus) -, passando pelo centro da cidade. A previsão do governo Felicio é de que a licitação seja lançada ainda esse ano.

MOBILIDADE. Projeto da Linha Verde foi apresentado pelo governo Felicio no fim do primeiro semestre

Fonte Jornal O Vale / Julio Codazzi