Cresce oferta de imóveis de dois e três dormitórios em São José

Estudo realizado entre maio de 2018 e abril de 2019 revela futuro do setor: em breve, haverá corrida por demais tipos de imóveis

Praticamente tudo o que é produzido em São José dos Campos no setor da construção civil é comercializado. A principal oferta é de imóveis de dois ou três dormitórios. Os dados são do Estudo do Mercado Imobiliário, realizado pelo Departamento de Economia e Estatística do Secovi-SP (Sindicato da Habitação) em parceria com a Robert Michel Zarif Assessoria Econômica, cujo resultado foi apresentado no último dia 13.

“São poucas as ofertas de imóveis de um dormitório. E praticamente nenhuma de quatro dormitórios”, ressaltou Paulo Cunha, diretor regional do Secovi. “Isso significa que, em um curto espaço de tempo, teremos um mercado pedindo por esse tipo de imóveis e nós não o estaremos ofertando”.

Ainda de acordo com Cunha, a produção hoje está num nível muito aquém da capacidade do setor. “A cidade continua respondendo às iniciativas empresariais. Nosso estoque é muito pequeno. Por outro lado, quando tivermos a economia mais ativa, teremos de correr atrás de produzir para atender a demanda”, avaliou.

Hoje, os imóveis são vendidos, em média, a R$ 4.500 o metro quadrado (fora da categoria econômica).

Fonte: Jornal O Vale / Paula Maria Prado