> Notícias

Limite para FGTS vai a R$1,5 mi

Novo teto valerá para o financiamento de imóveis residenciais novos contratados a partir do dia 1° de janeiro em todo o país

Os mutuários voltarão a poder financiar imóveis de valor mais alto com recursos do FGTS (Fundo de Garantia do tempo de Serviço). O CMN (Conselho Monetário Nacional) elevou esta semana para R4 1,5 milhão o teto de valor das unidades que podem ser adquiridas por meio do SFH (Sistema Financeiro de Habitação), que empresta dinheiro com recursos do FGTS com juros menores que as taxas de mercado.

O novo teto vai beneficiar todas as regiões do país e valerá para o financiamento de imóveis residenciais novos contratados a partir de 1° de janeiro próximo. Concedidos com recursos do FGTS e da poupança, os financiamentos do SFH cobram juros de até 12% ao ano. Acima desses valores, valem as normas do SFI (Sistema Financeiro Imobiliário), com taxas mais altas e definidas livremente pelo mercado.

 

Fonte: Jornal O Vale / São José dos Campos

Rua Padre Rodolfo nº 196 Vila Ema - SJCampos - SP CEP : 12243-080 - Tel/Fax: (12) 3922.6678

© 2014 Aconvap - Todos os direitos reservados
Desenvolvido por: